Páginas

Foto do fundo: Auto-retrato - São Miguel do Oeste - SC by Alice Elaine

quarta-feira, 30 de março de 2011

Poronguinho

Lar de passarinho by Alice

Não quero vender!
Nem vou alugar!
Moramos apertadinhos,
Mas chamamos de lar...

...

segunda-feira, 28 de março de 2011

Macela...

macelas by Alice


Na beira da estrada encontro
Nascida no campo e singela
Cheio macio de saudade
Beleza na florzinha amarela

Despertas meu olfato de guria
Enfeite que emoldura o caminho
Andando ao teu lado, florzinha
Não há quem se sinta sozinho

Exalas o sabor das manhãs
Ascende ao tempo e a história
No meu mate quente e amargo
Temperas um momento de glória.

amarelinhas by Alice


...

quinta-feira, 24 de março de 2011

Ensaio...

Ensaio com o Homem de Sucata...






Clique nas imagens para ampliar!

...

segunda-feira, 21 de março de 2011

A Taça

É brilhante e cintilante
É noite de luar
Sua cor é seu nome
Minha preferência ao paladar
Tem aroma do fruto
Apaixono-me com um olhar
É seco, é Cabernet
Desperta meu desejo de beijar
Depois de uma taça
Sempre sinto-me flutuar
Os pés tocam as nuvens
Todo o resto espera o que virá...

A taça by Alice

...

De São Miguel do Oeste até Bernardo de Irigoyen em imagens


Conto esta história de como levamos minhas visitas, Míriam e Carlos Brasil, para passear no 'exterior', por meio de imagens..

Todas as fotos foram batidas por mim... a maioria em movimento, de dentro do carro!!!
(clique nas fotos para ampliar e ler as placas)


Posto do Garoto em São Miguel do Oeste - SC

Sinalização apontando saída para Argentina em SMO-SC

Sempre de olho nos nossos TURISTAS

Estrada peculiar desta região

Carona no vácuo

Um dia hei de parar para bater uma foto decente

Auto-retrato

Pra quem gosta de ter noção das distâncias

Dá vontade de ir até o segundo destino

Já na Aduana - lado brasileiro

Mais provocações de destinos

Aduana da Argentina - foto de longe porque não permitem fotografar a revista dos carros

Repara na plaquinha... Quem ganhou a guerra mesmo???
Palabras muy belas

Esta foi a ida do passeio, a volta vai ficar para um outro post...

Comenta vai...

...

sábado, 19 de março de 2011

Aventura no Oeste Catarinense

Hoje foi um sábado com um pouco mais atividades que normalmente...

Fomos levar minha Tia Míriam e seu Excelentíssimo esposo, Carlos Brasil, até Bernardo de Irigoyen, na Argentina. Nada demais, fica cerca de uns 60km da nossa cidade.

Na volta, decidimos mostrar um lugar pouco conhecido das pessoas que cruzam a BR-163. Uma cascata localizada cerca de uns 600m da rodovia numa propriedade particular.

Na chegada as 'crianças' foram empuleirar-se no que deduzimos que seria uma plataforma para uma 'tirolesa'.

Nas alturas by Alice
Logo, seguimos para o poço antes da queda d'água.

Poço antes da cascata by Alice
Muitas pedras com limo e solo escorregadio pela frente, mas todos seguimos para tentar ver a cascata por este caminho, pois, a trilha que desce até a base da queda havia desmoronado tornando impossível ver de outro ângulo...

Havia um pequeno poço formado de pequenas quedas no local. Renderam muitas fotos legais...

Cascatinhas by Alice
Porém, eu queria tentar mostrar a altura da queda principal, mas era impossível ter a dimensão dela dali, só podemos presumir que era realmente alta, pois a mata parecia distante de nós lá embaixo... descobri depois, pela internet, que esta queda tem 44m!

Então enfrentei meu medo das aranhas que pairavam em nossas cabeças como um céu estrelado e contornei a beirada da queda, chegando até o início da cascata maior.

Aranhas do céu by Alice

A foto não ficou como eu queria. Eu não tinha apoio para poder me inclinar mais a ponto de ter uma melhor visão da queda. Estava louca de medo de encostar nas teias, mas consegui estas imagens...

Cascata I 44m by Alice

Cascata II 44m by Alice

Mas, agora eu teria que voltar, arriscando-me novamente por entre os degraus de pedra, rente ao precipício... passei a câmera para meu marido que, aproveitando a oportunidade, bateu a foto da minha volta perigosa...

Foi, tem que voltar by Altemir

Tive que pegar a 'alpargata' de couro emprestada para cumprir minha tarefa, pois uma das minhas 'mules' (que não era o calçado apropriado para fazer uma caminhada no meio do mato) entregou-se no meio do caminho...

Esta solta as tiras by Alice

Mule detonada by Alice

Mas, voltamos para casa felizes com a aventura inesperada, e o meu calçado eu mando colar!!!

...

quarta-feira, 16 de março de 2011

Musique!

Hoje eu sinto uma vontade de chorar
Muito maior que qualquer outra.
É uma dor, angústia e sofrer
Que nunca antes senti.
Com um sorriso, eu choro...
Com um por que?
Com um consolo...
É como um rio transbordante
Que não cabe na minha alma,
São sentimentos demais para um só coração
São pensamentos além do suportável.
É a montanha-russa!
E eu nunca quis andar nela,
Demoravam umas duas voltas
Para abrir meus os olhos
Na Roda-Gigante...
Traço planos que não sei onde terminam
Tento apoiar-me num chão que se despedaça.
Quero fugir, mas não sei para onde correr.
Sinto-me livre da gaiola
Mas, para onde voar...
Eu não queria chorar...
Eu não queria chorar tanto.
Sou forte, eu sei
Muito mais que eu queria ser...
Queria ser mais frágil,
Parecer indefesa e fraca.
Queria saber perder.
Minhas lágrimas escorrem e
A cabeça dói.
O vinho se acaba na garrafa,
E no fim do copo não está o alívio.
A mente ainda vive...
Ainda procuro soluções
Ainda faço cálculos
Traço metas
Crio fórmulas
Ah...
Queria apenas recostar-me no leito,
E poder descansar...
Acordar amanhã, ou talvez mais tarde...
Com a promessa do futuro
Com a mesa farta e a casa bonita.
Acordar rodeada de amigos cantando
Trazendo-me o café da manhã...
Meu delírio não é delírio.
Não é efeito de uma taça ou duas,
É cansaço...
É anseio de Vida...
É um desejo de Morte.

...

terça-feira, 15 de março de 2011

Onde está você agora? ♫

Contexto:

Ajoelhada ao chão procurando alguma coisa em meio a uma bagunça de tranqueira...

...e a importância da foto está no fato de eu estar com muita saudade de quem bateu ela...

Tô com saudade de ti, meu maninho...




...

segunda-feira, 14 de março de 2011

O que é bom se repete

É figura repetida
modelo fácil de se encontrar.
É assunto recorrente
não há quem se canse de olhar.
É símbolo da beleza e perfume
que dá sentido ao amor
É a simplicidade complexa
uma flor com nome de cor...

Rosa botão by Alice


...

Cria Enjeitada

Cria Enjeitada

João Chagas Leite

Não tenho pressa e nem penso em ter mais pressa
Vou no meu tranco como boi na verga vai
Esse meu jeito meio rude falquejado
Herdei da vida e um pouco de meu pai
Trago lembranças das grandes matarias
Das águas puras e das sangas sossegadas
Dos vales férteis das serras e dos campos
Da natureza que era ainda respeitada
E sinto cheiro de terra após a chuva
E tantas flores perfumando sem cobrar
Do pão de forno, do apojo e da canjica
Da pitanga, da tuna e do araçá
E há em mim uma saudade latejando
Vozes de pássaros pedindo pra cantar
Gritos de bichos, sementes pequeninas
A espera de que possam germinar
Hoje a ambição fez pousada à minha volta
Plantou desertos em sementes traiçoeiras
Cria enjeitada do progresso que importamos
Batendo palmas a ganâncias estrangeiras
Só temos pressa, e mais pressa pra ter pressa
Receita louca que inventamos pra morrer
De neuroses e calmantes pesticidas
Matando a vida que esta doida pra viver




...

quinta-feira, 10 de março de 2011

Os cavalos da minha infância

Recebi um presentão hoje!!!!!!!!!

Fotos com uma parte importante da minha história, minha personalidade e minhas memórias. Pessoas nas quais tenho como parentes.

Nas fotos aparecem os dois cavalos da minha infância, o Morinho e a Morinha. Minha tia Míriam aparece montada na Morinha.

Velhos tempos de pescarias em São Vicente... cheia de histórias, risos, música e peixes! Que saudade!!!

Que presente!!!!!!! Muito obrigada, Marcelo!!!!







O tempo passou, mas não apagou o seu registro!!!


...

...e quem sabe?

Alice in Rio

E se pudéssemos viajar no tempo?
Para onde iríamos?
Para o passado ou para o futuro?
Corrigiria os erros ou os cometeria novamente?
Seria a mesma coisa?
Daria mais valor às pessoas?
Seria menos ansioso?
Correria mais ou menos riscos?
Tentaria ser mais feliz?
Mudaria de casa?
Conheceria novos restaurantes?
Teria menos medo?
Sentiria o mesmo frio na barriga?
Diria mais sim?
Saberia a hora de afirmar o não?
Não começaria um vício?
Seria mais forte?
Ouviria os mesmos sons?
Comeria melhor?
Quem sabe?
Quem sabe...

quarta-feira, 9 de março de 2011

O que há além de café???



Um café, um vinil e... 


The Beatles in my coffee I by Alice



The Beatles in my coffee II by Alice


...

terça-feira, 1 de março de 2011

Isso foi pra mim???

Recebi por email e embora seja um tanto quanto machista, eu ri muito... tenho um pouco de noção que deve ser mesmo assim, na maioria das vezes que eu disparo a falar...

Até no Reino Animal os machos perdem a calma diante da eloqüência feminina...

Hum hum


...

Onde estão?